NEGÓCIOS

Mhnet Telecom adquire FuturaSC e amplia presença no Oeste Catarinense

01/12/2021 14:30:00

Mhnet Telecom adquire FuturaSC e amplia presença no Oeste Catarinense

Neste mês de dezembro, a Mhnet Telecom, empresa catarinense que oferece serviços de banda larga via fibra óptica, telefonia fixa, TV por assinatura e telefonia móvel, assume o controle da FuturaSC, provedor de pequeno porte (PPP) com atuação em Chapecó, Palmitos, Caibi, Riqueza, Cunhataí, São Carlos e Cunha Porã.

Tanto os clientes incorporados, como os moradores destas cidades poderão contratar os serviços ofertados pela empresa. 

Com duas décadas de autoridade no segmento, a Mhnet Telecom é o quarto provedor de pequeno porte que mais cresceu em 2021, segundo a Anatel.

A aquisição também inclui as lojas físicas no município de Palmitos e Caibi. 

Outra possibilidade de atendimento presencial funciona em Riqueza, em uma loja parceira. 

Presente em 150 municípios em Santa Catarina, Rio Grande do Sul, Paraná, Mato Grosso do Sul e São Paulo, a incorporação da FuturaSC amplia a capilaridade da empresa. 

Patrick Canton, CEO da Mhnet Telecom, afirma:

“Esse crescimento é um resultado de um movimento de expansão orgânica e inorgânica que inclui, mais recentemente, a inauguração da operação em Caxias do Sul (RS) e a incorporação de 15 PPPs nos últimos dois anos”. 

“Para garantir a qualidade dessas ampliações de atendimento, possuímos uma infraestrutura de cabeamento em fibra óptica que supera 25 mil km de rede. Isso possibilita que os clientes sejam facilmente incorporados às nossas bases”. 

Canton ressalta que essa aquisição foi estratégica para a Mhnet Telecom:

“Entraremos em municípios relevantes para a região, onde a FuturaSC já atuava com um market share expressivo, superior a  60% em cidades como Palmitos, Caibi e Riqueza". 

"Além disso, esses movimentos de fusões empresariais são fundamentais para a preparação de uma Oferta Pública Inicial (IPO) nos próximos anos”. 

Já para a Giovana Giacomolli, sócia-administradora da FuturaSC, a venda foi motivada pela alta competitividade do segmento, diversificação e fornecimento de novos serviços e a possibilidade de expansão para outras regiões:

“Assim como existe a motivação de mercado, a negociação com a Mhnet Telecom também é interessante do ponto de vista cultural. Além de ser uma das melhores empresas do Brasil,  nasceu no mesmo berço que a FuturaSC, é de nossa região". 

"Acredito que essa identificação será significativa para adaptação de nossos clientes. Por fim, com uma incorporação feita de forma madura e saudável, teremos diversos serviços de qualidade, amparados por uma infraestrutura expressiva, que não poderíamos oferecer sem essa fusão”.






E-book da IPM Sistemas tira dúvidas de gestores públicos sobre Siafic

Novo sistema de controle de gastos públicos precisa ser implementado até o fim do ano