TECNOLOGIA

Chopeira criada em Timbó é controlada por app e conserva a bebida por mais tempo

03/12/2021 15:00:00

Chopeira criada em Timbó é controlada por app e conserva a bebida por mais tempo

Projetada e desenvolvida por Leandro Bertolino, engenheiro, e Claudia Bertolino, design de produto, fundadores da BEERT, de Timbó, nasceu a “Optimus”.

Trata-se de uma câmara fria com tecnologia de uma cervejeira de última geração.

Ela possibilita escolher a temperatura adequada para cerveja ou chopp, podendo ter armazenamento das bebidas trincando por meses.

A ideia surgiu em 2016 por uma necessidade própria. 

Nos encontros com os amigos, Leandro e Claudia percebiam diversos problemas com as chopeiras existentes no mercado.

Demoravam para gelar o chope, só saía espuma, não era possível saber quanto chope havia dentro do barril, além do prazo de validade da bebida. 

Desde então, vinham trabalhando em diversas versões do projeto, que chegou à forma final em 2020, em meio à pandemia do Covid-19.

Ambos fundaram a BEERT e criaram o Optimus, unindo a ideia do barril de chope padrão europeu, cervejeira, conectividade, design inovador e tecnologia de ponta.

CONHEÇA ALGUMAS FUNÇÕES DA OPTIMUS:

● Um aplicativo permite escolher a temperatura e verificar o nível do chope e avisar quando está acabando.

●Serve para garrafas ou barris, com funções específicas para cada tipo. A capacidade é de 20 litros de chope, ou diferentes disposições de Garrafas, latas de cervejas e Long Necks

● Possui o sistema Beert anticondensação, para dias úmidos e chuvosos.

●Função “anticunhado”, uma trava que evita durante as festas ou até o cunhado mais atrevido pegar a sua cerveja.

●Design compacto e inovador, com sistema slide que não deixa cilindro à mostra e evita a liquefação do gás Co2.

● Possui um visor que permite enxergar as garrafas sem ter que abrir a porta do aparelho.

● Mantém a qualidade do chope por meses.

● Possui comunicação bluetooth com smartphone disponível IOS e Android.






E-book da IPM Sistemas tira dúvidas de gestores públicos sobre Siafic

Novo sistema de controle de gastos públicos precisa ser implementado até o fim do ano